Notícias

Banca de DEFESA: VANESSA MENESES DE BRITO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VANESSA MENESES DE BRITO
DATA: 28/02/2014
HORA: 16:00
LOCAL: Sala de Reuniões/ Campus Ministro Reis Velloso
TÍTULO:

CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DE CISTOS DE Giardia duodenalis EM AMOSTRAS CLINICAS DE PARNAIBA-PI


PALAVRAS-CHAVES:

enteroparasitose, Giardia, PCR, Assemblages, genótipos.

 


PÁGINAS: 101
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Atualmente, apesar dos inúmeros avanços científicos e tecnológicos na área de diagnósticos parasitológicos e no campo da saúde coletiva, as parasitoses intestinais ainda constituem um grave problema de Saúde Pública. Possuem distribuição cosmopolita, sendo altamente prevalentes tanto em países em desenvolvimento como em países desenvolvidos. Essa situação é decorrente, principalmente, da falta de recursos, infraestrutura sanitária e medidas de educação em saúde. A maioria dessas enteroparasitoses causa diarreias, seguidas de dores abdominais e algumas vezes até febre, provocando entre outros sintomas, retardo no crescimento em crianças. Dentre essas infecções parasitárias, a giardíase, causada pelo protozoário Giardia duodenalis, é considerada a mais comum em humanos e animais, com distribuição global de 2,8 x 10casos por ano. Sendo transmitida principalmente através de água e alimentos contaminados por cistos de Giardia duodenalis. Esta espécie é subdividida em oito grupos que apesar de morfologicamente indistinguíveis, são geneticamente distintos, denominados de Assemblages A-H. Seu diagnóstico é geralmente realizado através da microscopia convencional, no entanto, dada a sua importância atual métodos moleculares tem sido desenvolvidos para a sua detecção. O objetivo desse trabalho foi avaliar molecularmente cistos de G. duodenalis de amostras fecais humanas no município de Parnaíba, Piauí e a determinação das diferentes Assemblages. Foram coletadas 145 amostras fecais para busca de espécimes positivos para G. duodenalis e processadas segundo o método de Faust. Um total de 60 isolados positivos foram purificados e armazenados em nitrogênio líquido para posterior caracterização molecular. Em seguida, foi realizada a extração do material genético e realizada a PCR convencional e nested PCR, através da amplificação de segmentos dos genes bg e tpi. Posteriormente, realizou-se o sequenciamento dos isolados obtidos, permitindo a identificação das Assemblages. Os cromatogramas das sequências foram avaliados usando BioEdit. Os dados obtidos foram armazenados no programa EpiData (versão 3.1) e analisados pelo programa EPI INFO 3.3.2. Para análise das variáveis numéricas foi utilizado o Teste Exato de Fisher e a análise kappa. Destacou que a Assemblage A é a mais prevalentes em seres humanos em Parnaíba-PI. A subtipagem mostrou que os isolados da Assemblage A pertencem ao subtipo A2, sugerindo que a transmissão antropozoonotica pode ser o meio de transmissão dominante para giardíase na região em estudo.

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1516475 - ANA CAROLINA FONSECA LINDOSO MELO
Interno - 1734768 - CLAUDIO ANGELO VENTURA
Externo à Instituição - REGINALDO ALMEIDA DA TRINDADE - UFRJ
Notícia cadastrada em: 18/02/2014 17:24
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 08/03/2021 19:27