Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUIS MESQUITA DE SOUSA FILHO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUIS MESQUITA DE SOUSA FILHO
DATA: 05/08/2014
HORA: 16:30
LOCAL: Saguão de apresentação de pôsteres do II Simpósio Latino-Americano de Biotecnologia.
TÍTULO:

AÇÃO ANTIINFLAMATÓRIA E ANTINOCICEPTIVA DE PROTEÍNAS DA SECREÇÃO DO ANFÍBIO Rhinella schneideri


PALAVRAS-CHAVES:

Dor, farmacológico, inflamação


PÁGINAS: 49
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Secreções das glândulas parótoides de sapos são fonte de compostos com potencial para aplicações médico-farmacêutica. Extratos de algumas espécies tem demonstrado potencial antibacteriano, atividade anti-inflamatória, antinociceptiva, anticâncer, e antiparasitária. O presente trabalho objetivou avaliar a atividade anti-inflamatória e antinociceptiva de uma fração de proteínas (PRs) obtidas a partir da secreção de Rhinella schneideri submetidas a diálise contra água destilada. Os modelos de edema de pata e peritonite foram utilizados para os ensaios de atividade anti-inflamatória e os testes de contorções abdominais induzidas por ácido acético e formalina para os de atividade antinociceptiva. Todos os ensaios foram conduzidos utilizando camundongos (Mus musculus), pesando entre 18 – 22g (n = 6). Os ensaios foram conduzidos em concordância com as diretrizes do Colégio Brasileiro de Experimentação Animal e os resultados foram expressos como média ± erro padrão (ANOVA - Newman-Kleus; p < 0,05). Em nossos resultados parciais, diferentes doses da fração PRs (1,0, 2,5 e 5,0 mg/kg) foram administrados por via intraperitoneal (i.p.)e inibiram o edema de pata induzido pela administração da carragenina (Cg: 500µg/kg, 50µL) em 53%, 76% e 51%, respectivamente, sendo a dose de 2,5mg/kg a mais eficiente. A administração de PRs (2,5 mg/kg; i.p.) também foi capaz de inibir a migração de leucócitos (3.692±533,1 × 103 células/ml) e neutrófilos (1365 ± 212,6 × 103 células/ml) para cavidade peritoneal de animais induzida pela administração de carragenina (Cg: 500µg/kg; i.p.), quando comparado com animais tratados somente com carragenina (6417 ± 968,3 × 103 leucócitos totais, 5213 ± 944,4 × 103 neutrófilos/ml). Quanto ao potencial antinociceptivo, observamos que PRs na dose de 2,5 mg/kg reduziu as contorções abdominais induzidas pela administração de ácido acético em 60% e o tempo de lambedura da pata apenas na segunda fase do teste de formalina (69%). Nossos dados revelam que proteínas presentes na secreção do sapo R. schneideri apresentam proteínas com potencial farmacológico em modelos de inflamação e dor.

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1750086 - DANIEL FERNANDO PEREIRA VASCONCELOS
Interno - 1772764 - GUSTAVO PORTELA FERREIRA
Presidente - 1789383 - JEFFERSON SOARES DE OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 30/07/2014 10:38
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 08/03/2021 19:36