Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: SANDRO DAVID BEZERRA DO NASCIMENTO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SANDRO DAVID BEZERRA DO NASCIMENTO
DATA: 27/02/2020
HORA: 10:00
LOCAL: Museu da Vila
TÍTULO: HÁ UM VILAREJO ALI: oficinas de música no Museu da Vila Vila-bairro Coqueiro da Praia, Luís Correia - PI
PALAVRAS-CHAVES: Piauí; Delta do Parnaíba; Museu da Vila; Oficinas de Música
PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Museologia
RESUMO:

Apresentamos neste trabalho os caminhos e resultados do projeto de pesquisa-ação desenvolvidos na sede do Museu da Vila, no bairro Coqueiro da Praia, a 10 quilômetros do centro da cidade de Luís Correia, um dos dez municípios que integram a Área de Proteção Ambiental Delta do Parnaíba, no Meio Norte do Brasil, criada por decreto presidencial em 1996. O planejamento do projeto envolve conceitos presentes na prática da museologia e inovação social e no universo das ciências sociais aplicadas. Os estudos e intervenções ocorrem materializados em oficinas de música inseridas no calendário do setor educativo e cultural do Museu sob a coordenação do Mestrado em Artes, Patrimônio e Museologia da Universidade Federal do Piauí com a participação efetiva da comunidade local, por meio da Associação de Moradores do Bairro. O que torna este trabalho peculiar é o fato de suas ações serem realizadas no museu de uma pequena comunidade de pescadores artesanais, museu, igualmente, sede de um mestrado profissional em museologia; um trabalho que permite o aflorar de valores sociais em um espaço de sonoridades, memórias e inclusão em um lugar atravessado pela vulnerabilidade social. Os diálogos com a comunidade apontam para problemas sociais e ambientais e nesse contexto percebemos que a atividade musical apresenta alternativas como a reciclagem de materiais na produção de instrumentos e valorização do patrimônio cultural.  A metodologia passa por uma interface multidisciplinar que agrega ensino da arte, etnomusicologia, educação patrimonial, sustentabilidade, pesquisa participante e salvaguarda do patrimônio. O contato com a música despertou nos membros da comunidade possibilidades de trocas musicais e uma imersão no mundo sensível na descoberta de seus sons, ritmos e suas memórias e em seu sentimento de proteção através das noções de sustentabilidade. A proteção e salvaguarda do patrimônio cultural está diretamente associada à melhoria da qualidade de vida de uma população, a preservação das memórias e a proteção da identidade cultural. Essas práticas significam uma demanda social tão importante quanto qualquer outra atendida pelo serviço público. Nesse contexto, a oficina de música representa uma forma sensível de atrair todas as faixas etárias através de uma linguagem universal, a própria música. O objetivo como ação educativa é produzir um trabalho participativo de inclusão através de um processo vivo e dinâmico, cujas interações se constroem em modos de percepção do mundo.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 423686 - AUREA DA PAZ PINHEIRO
Presidente - 343.114.323-72 - ELENILCE SOARES MOURÃO - UFPI
Externo ao Programa - 226.304.493-00 - JOSÉ NUNES FERNANDES - UNIRIO
Notícia cadastrada em: 19/02/2020 09:06
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 03/06/2020 22:30